Comissão de Mediação e Conciliação define metas de atuação

OAB SP promove Audiência Pública sobre a Reforma Tributária
07/06/2019
Comissão de Direito Tributário desenvolve projeto em parceria com a FGV para a transparência dos processos tributários em dez municípios paulistas
07/06/2019

Cerca de 40 advogados participaram da primeira reunião da Comissão de Mediação e Conciliação da atual gestão (triênio 2019/2012), realizada na última quarta-feira (5/6), na Casa da Advocacia.  A advogada Silmara Zappia Affonso Ferreira, presidente da Comissão, conduziu os trabalhos e oficializou a nomeação da advogada Déborah Baptistella Sundfeld como vice-presidente. A reunião teve a presença do presidente da Subseção, Daniel Blikstein.

Coma ampla participação dos membros da Comissão, que apresentaram várias sugestões, foram definidas metas de trabalho a serem desenvolvidas ao longo do ano. Entre as propostas estão a realização de palestras e outras atividades de capacitação voltadas à conscientização da classe dos advogados em relação à conciliação, bem como o apoio e acompanhamento das atuações dos conciliadores e mediadores, com o intuito do aprimoramento.

Também foram discutidos meios para que a Comissão promova a aproximação entre conciliadores e mediadores com o Judiciário. Segundo a presidente da Comissão também pretende agilizar junto aos coordenadores e Juízes Coordenadores dos Cejuscs a melhor forma de aplicar a Resolução que trata sobre a remuneração dos Conciliadores e Mediadores.

Outro ponto debatido na reunião é a presença de advogados nas audiências do Cejusc. “A Comissão se preocupa com o cumprimento integral da legislação e defende a presença do advogado nas audiências dos Cesjuscs. Nesse sentido, estaremos buscando  diálogo e apoio junto à Defensoria Pública e demais órgãos competentes para que as audiências transcorram com lisura e segurança jurídica para todos os seus participantes. Sabemos da dificuldade desse tema, tão atual, e estamos dispostos a servir de apoio e colaborar no que for necessário para melhor atender os jurisdicionados”, afirma a presidente Silmara Zappia Affonso Ferreira.

Ainda durante o encontro, foi definido novo organograma da Comissão que passará a contar com grupos de trabalho por áreas, como atividades escolares, divulgação dos trabalhos, e relações com setores externos como a Defensoria Pública, Cejuscs, Prefeitura, Procon, entre outros. A formação dos grupos será definida pelos próprios membros da Comissão que poderão escolher a área de preferência.